{Resenha} O Colecionador de Ossos - Jeferry Deaver




























Essa semana vou falar um pouquinho sobre O Colecionador de Ossos, do autor norte-americano Jeffery Deaver.

Ele é classificado como suspense policial e foi publicado em 1997 e, em 1999 foi adaptado para o cinema, dando origem ao filme de mesmo nome que teve como protagonistas Denzel Washington e Angelina Jolie.



E o que posso dizer é que não lia um romance policial há muito tempo, e adorei esse, principalmente porque ele fala muito de análise das cenas dos crimes, ás vezes com detalhes técnicos um pouco desnecessários, mas que, para mim, não prejudicaram em nada na narrativa, mas vamos ao enredo.

Esse livro fala sobre o super, mega ultra criminalista Linconl Rhyme que, certo dia vai a uma cena de crime e sofre um acidente, ficando tetraplégico, ou seja, só mexe a cabeça, os ombros e o dedo anular da mão direita.

Depois de 3 anos e meio vivendo meio isolado do mundo, ele é procurado para ajudar na analise de um crime brutal, onde o serial Killer, além de um corpo mutilado, deixa também pistas intrigantes como um parafuso, areia, pedaços de papel, ossos e outras coisas estranhas. E essas pistas devem ser decifradas para poder eles encontrarem a vítima seguinte. Se decifrarem rápido eles têm a chance de encontrar a vitima com vida. Se demorar ou não decifrarem a vítima morre.

Assim como no filme , o livro começa com o sequestro de um casal e a Amelia encontrando o cadáver, cuidando da cena e das provas com muito cuidado, despertando a curiosidade de Lincoln que exige que ela faça parte da equipe e que seja sempre a primeira nas cenas seguintes.

Esse livro é narrado na terceira pessoa, e o narrador se refere ao assassino como O colecionador de Ossos, e a equipe de Lincoln como Elemento Desconhecido 238, que eu creio que seja esquizofrênico, no mínimo, porque, além de matar das maneiras mais bizarras e ser obcecado por ossos, ele olha para as ruas de Nova Iorque e enxerga a cidade no passado.

E falando em morte bizarra, fiquei tensa demais em várias cenas do livro, com as mãos suando mesmo, mas tem um trechoque se você se incomoda com um mínimo spoiler para aqui uma das vitimas esta amarrada em um lugar cheio de ratos e o chefe dos ratos está se aproximando dela bem lentamente. Tensoooo!



Além dessa bizarrice toda, Jeffery explora também a vontade de Lincoln de ser submetido à eutanásia, pois ele sofre umas crises de pressão que podem transforma-lo em um vegetal e ele tem medo de que isso aconteça, e temos também os problemas existenciais da Amelia (coisas que não são abordadas no filme).



No geral, gostei bastante do livro e dei 4 no Skoob, mesmo tendo dúvidas se gostei de quem o Jeffery Deaver "escolheu" para ser o psicopata e seus motivos! Preciso que alguém leia pra conversar comigo...alguém????





















  • Editora: BestBolso
  • ISBN: 978-85-7799-066-5
  • Ano: 2014
  • Páginas: 455
  • Gênero:Suspense/Policial
  • Título Original: The Bonne Collector
  • Ano de lançamento: 1997

Beijos, e até mais!

CONVERSATION

4 comentários:

  1. Uma vez eu comecei a ver o filme mas, não lembro porque desisti. E nem sabia que havia um livro.
    Gostei muito da sua resenha. Ratos... por que sempre ratos???????
    Quando eu ler, te procuro pra gente comentar :)
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia mesmooo! Vou adorar ter alguem p conversar sobre ele!!!

      Beijosss

      Excluir
  2. Eu li e gostei muito!

    bj

    http://nandaaflordapele.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir